Cabeças de Gado: Rebanho de Mato Grosso cresce 3%

Recentemente, o Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea–MT) divulgou os dados do rebanho total de Mato Grosso, que foi contabilizado por meio da vacinação de febre aftosa que ocorreu em maio. Foi registrado um acréscimo de 3,19% no comparativo com o ano passado, o que correspondeu com o total de 31,97 milhões de bovinos.

Ao analisar a distribuição desses animais nas macrorregiões do estado, destacou-se a médio-norte com aumento de 13,57% na quantidade de machos de 12 a 24 meses. Além disso, houve um incremento considerável de 7,87% nas fêmeas de 24 a 36 meses na região nordeste.

“Esse aumento no rebanho total foi influenciado por dois principais motivos, sendo o primeiro deles a retenção das fêmeas nos últimos anos – o qual tem gerado um avanço no estoque de animais -, como também a elevada cotação da arroba, que animou os agentes do setor a investirem mais no ramo”, disse o Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea) em seu boletim semanal.

 Da redação com o Agrolink

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *